colesterol

7 alimentos que podem ajudar a controlar o colesterol ruim

Para saber quais são os alimentos que podem ajudar no controle do colesterol ruim, é preciso entender como essa substância atua no organismo e por que é tão importante controlá-la.

Existem vários tipos e subtipos de colesterol no organismo humano, mas 2 são mais conhecidos. O HDL e o LDL. O HDL, que você conhece como colesterol bom, transporta o LDL dos órgãos para o fígado. O fígado, por sua vez, remove do organismo esse LDL, que você conhece como colesterol ruim. Assim, a circulação dessas moléculas no corpo se equilibra.

Entretanto, se o LDL estiver oxidado por excesso de radicais livres no sangue, pode ser muito prejudicial à saúde. Nesse caso, aumenta o risco de doenças cardiovasculares e cerebrais como infarto e derrame. A razão é que esse LDL oxidado acaba se tornando placas de gordura nas artérias, dificultando a passagem correta do sangue e, consequentemente, causando problemas de circulação.

Para que isso não aconteça, existem estratégias e alimentos que podem ajudar a controlar e evitar a elevação do LDL oxidado. No entanto, há alguns fatores de risco que podem desencadear o problema. São eles:

– diabetes,

– hipertensão,

– sedentarismo,

– obesidade,

– tabagismo,

– idade avançada,

– consumo regular de gordura trans,

– genética – histórico familiar – e principalmente ESTRESSE mantido. 

Agora que você já sabe o que é colesterol e quais são os grupos de risco, vamos aos alimentos que são capazes de controlar o tipo ruim no organismo.

7 alimentos que podem ajudar a controlar o colesterol ruim

1 – Peixes que contêm ômega 3

O ômega 3 é ótimo para equilibrar os níveis de LDL oxidado e dos triglicérides. Também contribui para a circulação sanguínea, tem ação anti-inflamatória, melhora o funcionamento do coração, abaixa a pressão arterial, dentre outros benefícios.

O ômega 3 é encontrado em peixes como atum e salmão selvagens (de águas profundas e não de cativeiro).

2 – Oleaginosas (castanhas, nozes, amêndoas)

Esse grupo alimentar é rico em vitamina E, magnésio, zinco e selênio. A vitamina E é um potente antioxidante, por isso melhora a oxidação do LDL. Selênio e zinco atuam como co-fatores nesse processo de antioxidação.  

3 – Abacate

Assim como o grupo da castanha, o abacate é rico em gordura monoinsaturada, sendo ótimo para o organismo e ajudando na redução do LDL.

4 – Azeite de oliva extravirgem

Rico em ômega 9, o azeite também é um ótimo aliado no combate a esse problema. Mais um motivo para você temperar o seu prato com azeite extravirgem prensado a frio. Leia no rótulo do vidro, que deve sempre ser escuro para evitar a oxidação do azeite.  

5 – Frutas vermelhas

As frutas vermelhas possuem ação antioxidante, capaz de inibir o desenvolvimento do LDL oxidado. Consuma diariamente morango, cereja, mirtilo, framboesa, amora, dentre outras frutas.

6 – Grãos integrais

Os grãos integrais fazem muito bem à saúde, tanto do trato intestinal quanto no combate ao excesso de colesterol. Isso porque são fontes de fibras que conseguem aumentar a eliminação de colesterol oxidado.

7 – Aveia

A aveia é outra aliada. Auxilia na redução do colesterol, porque é rica em fibras solúveis e atua no combate à gordura. Ela também dá saciedade e melhora a microbiota intestinal. 

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder os seus comentários sobre esse assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como endocrinologista em Manaus!

Comentários
Dra. Aidalina

Posted by Dra. Aidalina