emagrecimento

6 mitos e verdades sobre o emagrecimento

Entrar em forma. Esse é o desejo de grande parte dos brasileiros. Para alcançar esse objetivo da noite para o dia, as pessoas se dispõem a encarar as mais diversas técnicas para conseguir emagrecer. Mas, o que é verdade e o que é mito quando se trata de emagrecimento?

Mito | Abolir totalmente o carboidrato do cardápio

Os alimentos desse grupo são responsáveis por fornecer energia para o corpo e estimulam a produção de serotonina, neurotransmissor responsável pelas sensações de prazer e de saciedade. Além disso, na ausência de carboidratos, o organismo consome massa magra para poder obter substratos energéticos.

Ou seja, é fundamental manter o consumo moderado de carboidratos naturais como frutas, legumes e cereais para que o corpo funcione de maneira plena e maximize a redução de gordura corporal.

Verdade | Dá para emagrecer sem passar fome

Dietas radicais fazem perder peso rápido, porém, não eliminam gordura, e sim água e massa magra. Por isso, o ideal é que se faça um processo de reeducação alimentar, adequando a quantidade de calorias ingeridas ao estilo de vida que se leva.

Essa mudança, além de proporcionar resultados mais duradouros, não compromete a saúde. O corpo absorve nutrientes de todos os grupos alimentares, segue funcionando de maneira normal e o processo de emagrecimento ocorre de forma natural. 

Mito | Diminua o número de refeições

Pular refeições pode fazer com que você chegue com mais fome no momento de comer e, assim, ingira mais alimento do que realmente precisa. Outro ponto de atenção é que, com a recorrência do jejum, o organismo passa a se adaptar para os momentos em que precisar de energia, estocando o alimento na forma de gordura e fazendo o metabolismo diminuir. Fazer 3 refeições por dia está de acordo com o processo do organismo.  

Verdade | Água é uma grande aliada

Caso você não tenha o costume de tomar água, é melhor mudar esse hábito se quiser emagrecer. A hidratação ajuda a diminuir a retenção de líquidos e, consequentemente, ajuda na eliminação de toxinas que causam inchaço.

Além disso, beber 1 copo de água 20 minutos antes das refeições ajuda a controlar o apetite, reduzindo a sensação de fome. O líquido ainda ajuda no processo de queima de gordura e de calorias. 

Mito | Sem glúten e sem lactose

Quem tem doença celíaca deve retirar o glúten da alimentação. E quem tem intolerância à lactose deve evitar os produtos feitos de leite. Se você não se enquadra nesses casos, poderia ser desnecessário abolir definitivamente as substâncias da sua alimentação. 

Porém, como a maioria das pessoas apresentam uma intolerância ao glúten, é importante substituir os alimentos que possuem glúten (trigo e cevada) por outros mais leves e ricos em nutrientes, como as fibras, farinhas de amêndoa, de linhaça, de arroz, de castanha, por exemplo. Esta substituição fará grande diferença no processo de emagrecimento. 

Já o caso da lactose é ainda mais delicado. A questão do leite é mais ampla, é a sua proteína chamada caseína que é extremamente alergênica e faz muitos estragos no microbioma intestinal causando os processos de adoecimento e mal-estar. Para aqueles que amam leite, podem substituir o leite animal por leite de castanha, de coco ou de amêndoa.  De preferência, feitos em casa, bem natural. 

Verdade | Exercícios são fundamentais

Não existe milagre, quando se trata de emagrecimento e saúde plena, tem que colocar o corpo para mexer. Exercício físico é fundamental para aumentar o consumo de calorias, ativar a circulação para eliminar a retenção de líquido, o inchaço e as toxinas do sangue; ativar o processo antiinflamatório interno do corpo eliminando a inflamação, que é responsável pelo aparecimento das doenças degenerativas. E ainda ajuda o seu emagrecimento.       

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre esse assunto. Leia outros artigos e conheça mais sobre o meu trabalho como endocrinologista em Manaus.

 

Comentários
Dra. Aidalina

Posted by Dra. Aidalina