No corpo humano, todas as vezes que comemos algo, as inúmeras enzimas entram em ação e, nas células são as grandes responsáveis por decompor o alimento e transformá-lo em energia. É esse processo que mantém tudo em perfeito funcionamento. Quanto mais rápido o metabolismo de uma pessoa, mais calorias ela vai queimar.

Até certo ponto, seja por gênero, genética ou outros fatores, nosso corpo tende a ter uma capacidade metabólica predefinida. O problema, é quando o metabolismo, por diversas razões, é lento e interfere na redução de peso, por exemplo.

Porém, há espaço para algumas manobras que podem ajudar nessa condição. E aqui, vale chamar a atenção para um ponto importante: nem todas as técnicas que envolvem o metabolismo ajudam a emagrecer. Muitos conselhos equivocados podem fazer com que a pessoa aumente no lugar de reduzir o peso.

A seguir, listamos algumas dicas, com base na ciência para você aumentar seu metabolismo de forma segura. Confira!

1. Tome um bom café da manhã

Tomar um bom café da manhã, todos os dias, ajuda a manter o metabolismo em bom funcionamento. Caso você não o faça, seu corpo vai entrar em “modo de fome”, ou seja, o metabolismo vai diminuir para tentar economizar energia. Por isso, quanto mais saudável for sua primeira refeição, melhor! Esqueça os carboidratos refinados.

2. Faça mais refeições

Muitas pessoas ficam surpresas ao saber que fazer mais refeições durante o dia ajuda a acelerar o metabolismo, o que resulta em uma maior queima de gordura. Mas é importante ter em mente que o objetivo é dividir o total de calorias de um dia em mais refeições. E não comer mais em quantidade.

Por exemplo, uma boa sugestão é fazer várias pequenas refeições com baixo índice glicêmico, de forma que as refeições tenham baixa carga glicêmica. Desta forma, é possível não aumentar o nível de insulina no sangue.

3. Ingerir mais fibras

As fibras são classificadas como solúveis (facilmente fermentáveis no cólon) como a pectina, ou como insolúveis que tem ação no aumento de volume do bolo fecal, mas com limitada fermentação no cólon, como o farelo de trigo.

A fibra alimentar é resistente à ação das enzimas digestivas humanas. Com o consumo aumentado dessas fibras o metabolismo tende a aumentar. O que acontece nesse caso é o seguinte: o corpo humano não consegue digerir as fibras, mas vai tentar e, ao fazer isso, o organismo vai gastar mais calorias do que normalmente faria com outros alimentos.

4. Exercícios físicos

A prática de exercícios físicos, sem dúvida, é a maneira mais eficiente de alterar o metabolismo de forma saudável. Quando você tem um programa de treinos mais intenso, o metabolismo continua acelerado por várias horas após o término do treinamento.

As atividades físicas que visam a resistência e a musculatura, são especialmente úteis nesse sentido. Até mesmo os exercícios de nível inicial que ajudam a queimar calorias e desenvolver a força, trazem excelentes resultados na melhoria do metabolismo.

5. Comer antes de dormir

Pode parecer estranho, mas comer algo antes de ir dormir também pode ajudar. Veja bem, durante a noite, a tendência é de que os níveis de açúcar baixem e o metabolismo comece a “arrastar”.  

Ingerir algum alimento que tenha entre 100 e 200 calorias ajuda a acelerar o metabolismo enquanto o corpo descansa.

Isso é curioso, mas é preciso cuidado. Você deve ingerir alimento de baixa caloria e fácil digestão. Comer grandes quantidades e comidas muito gordurosas à noite não é uma boa opção!

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como endocrinologista em Manaus!